4 técnicas de respiração que ajudam na concentração para estudar

técnicas de respiração para concentração

Sabia que o seu cérebro consome cerca de 20% de todo o oxigênio que passa pelo seu corpo? Isso acontece porque o órgão precisa bastante desse elemento para realizar suas principais tarefas, desde as automáticas, como garantir o batimento do coração, até as mais complexas, como os processos de atenção.

Por esse motivo, utilizar técnicas de respiração para concentração é uma excelente maneira de aproveitar o que se sabe sobre a nossa cognição e ter mais produtividade nas tarefas. Isso sem contar que melhorar a oxigenação do corpo auxilia no controle da ansiedade, do estresse e do humor.

Sendo assim, que tal conferir algumas técnicas de respiração que vão ajudar em várias atividades cotidianas, como se concentrar nos estudos e ter uma melhor regulação emocional? Acompanhe este post e confira as 4 principais!

1. Respiração diafragmática

Para começar, você sabe onde fica o diafragma? Esse é um músculo que tem um papel muito importante para a respiração. Para encontrá-lo, coloque a mão sob o abdômen e dê leves tossidinhas. Essa área que se movimenta se trata da musculatura diafragmática.

Acontece que utilizar a respiração por meio do diafragma ajuda a encher ainda mais os pulmões e levar oxigênio para todo o seu corpo, principalmente o cérebro. Para isso, imagine que a sua barriga é um balão.

Durante a inspiração, concentre-se para levantá-la, como se estivesse enchendo uma bexiga. Após isso, segure a respiração por cerca de 3 a 5 segundos. Em seguida, solte todo o ar, como se estivesse esvaziando o balão.

Experimente repetir essa respiração, no mínimo, 4 vezes, quando estiver com dificuldade para se concentrar. Você vai perceber como o foco melhora consideravelmente logo em seguida.

2. Respiração com atenção

Sabia que só o ato de prestar atenção na respiração pode fazer com que a sua concentração melhore? Isso porque, quando você volta o foco para uma determinada atividade, as distrações vão embora. Então, vale a pena tirar 1 minuto do dia apenas para sentir o ar saindo e entrando pelas narinas.

3. Respiração alternada pela narina

Falando nisso, já conhece a respiração alternada? Ela consiste em tapar uma narina, concentrando-se para que o ar passe por apenas uma delas. Em seguida, basta repetir o mesmo movimento no outro lado.

Conhece o sinal de “hang loose”? Basta fechar a mão, deixando o polegar e o dedo mindinho abertos. A partir disso, é só seguir estes passos:

  • respire fundo e segure o ar;
  • cubra a narina direita com o dedo polegar;
  • expire apenas pela narina esquerda;
  • inspire totalmente e segure novamente o ar;
  • cubra a narina esquerda com o dedo mindinho;
  • deixe o ar escapar pela narina direita;
  • repita todo o procedimento por, pelo menos, 4 vezes.

4. Respiração ressonante

Outra opção é respirar com atenção, fazendo isso por meio da contagem. Essa técnica recebe o nome de respiração ressonante. Para fazê-la, inspire contando até 5. Em seguida, segure o ar, também contando de 1 a 5.

O próximo passo é expirar. Já sabe, não é? Enquanto o ar sai dos pulmões, conte até 5. Antes de inspirar novamente, conte até 5 mais uma vez. Tente repetir esse ciclo por, no mínimo, 4 vezes.

Gostou das técnicas de respiração para concentração? Essa prática é ótima para quem precisa aliviar o estresse, controlar a ansiedade, estudar e trabalhar, entre várias outras atividades. Sendo assim, vale a pena pôr em prática no dia a dia.

Conhece mais alguma técnica de respiração? Ensine como fazê-la aqui nos comentários!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
0Shares
0 0