6 principais regras do Enem e como conhecê-las

regras do enem

Por se tratar de uma das principais portas de entrada em instituições de ensino superior, a realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) certamente é um momento decisivo na vida dos estudantes. Diante desse fato, é fundamental não só estudar bastante para tirar uma boa nota, mas também conhecer as regras do Enem que devem ser seguidas à risca.

Afinal de contas, o descumprimento de algumas das normas pode levar até mesmo à desclassificação do estudante, o que significa que a pessoa precisa esperar mais um ano inteiro para tentar fazer a prova outra vez. Para não correr esse risco, buscar informações sobre as principais regras é o melhor caminho.

Neste post, destacamos 6 regras do Enem que você precisa conhecer a fim de não ter problemas ao longo do processo de realização desse exame. Confira!

1. Etapa de inscrição

As primeiras regras do Enem que merecem toda a atenção se referem à fase de inscrições. Isso porque, como o exame é realizado apenas uma vez por ano, os estudantes que perdem o prazo para se inscrever não têm uma alternativa a não ser esperar a próxima edição, o que representa um atraso significativo para quem quer entrar na faculdade.

Desse modo, é importante você saber que as inscrições para o Enem sempre acontecem no primeiro semestre. O prazo exato é informado no edital do exame, que fica disponível no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), além de ser bastante divulgado na televisão e na internet.

A inscrição também deve ser feita pela internet, no site do próprio Inep. Vale lembrar que, enquanto o prazo estiver correndo, a página vai receber milhões de acessos. Então, a dica é não deixar para a última hora, pois você corre o risco de encontrar o site sobrecarregado e não conseguir finalizar a sua inscrição a tempo.

2. Isenção da taxa de inscrição

É necessário pagar uma taxa de inscrição para fazer o Enem. Em 2022, por exemplo, o valor foi de R$ 85,00. No entanto, também é possível conseguir isenção dessa taxa, ou seja, fazer o exame sem precisar pagar nada. Para isso, é preciso solicitar a isenção por meio de um formulário no site do Inep, dentro do prazo determinado pelo órgão.

Um fator importante em relação a isso é que, caso tenha conseguido isenção da taxa no ano anterior e faltado à prova, você só pode solicitar a isenção do Enem de novo se justificar a sua ausência. Todas as regras do Enem para obter o benefício são especificadas em um edital que costuma ser divulgado antes do edital referente às inscrições.

3. O que levar no dia da prova

Existe uma série de regras do Enem em relação ao que você deve levar consigo no dia da aplicação do exame. Para começar, é obrigatório apresentar um documento de identidade oficial e original com foto — Carteira de Identidade (RG), Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e passaporte são alguns exemplos. Sem isso, você não vai conseguir fazer a prova.

É imprescindível levar para o Enem caneta preta que seja de material transparente, pois esse é o único tipo de caneta permitida e que deve ser usada para marcar o cartão de respostas. Uma boa dica é levar pelo menos 2 ou 3 canetas com essas características, para não correr o risco de ficar sem, se uma delas não funcionar.

Caso você tenha levado qualquer objeto proibido — como lápis, borracha, materiais de estudo, celular e demais dispositivos eletrônicos —, o fiscal vai orientar que coloque os itens em um envelope fornecido pela equipe de aplicação do Enem. Além disso, você precisa desligar os eletrônicos e manter o envelope embaixo da cadeira durante toda a prova.

4. Tempo de prova

As regras do Enem também são muito rígidas no que se refere ao tempo de prova. O exame é aplicado em 2 domingos consecutivos, sendo que no primeiro deles a duração é de 5 horas e meia, enquanto no segundo são 5 horas. Saber fazer a gestão do tempo ao responder todas as questões é muito importante para um bom desempenho.

Vale ressaltar que o horário marcado para fechar os portões do local de prova é a uma hora da tarde. Quem não estiver lá dentro nesse momento simplesmente não consegue mais fazer o Enem. Então, é muito importante sair de casa com antecedência para não se atrasar.

5. Levar o caderno de questões para casa

Os estudantes geralmente gostam de levar o caderno de questões para casa ao fim da prova, pois assim podem conferir quantas respostas acertaram depois que o gabarito é divulgado. Isso ajuda a ter certa noção do desempenho obtido antes da divulgação oficial dos resultados.

Porém, de acordo com as regras do Enem, você só pode ficar com o caderno de questões se sair do local de prova nos últimos 30 minutos de aplicação do exame. Caso termine mais cedo e faça questão de levar o caderno, você vai precisar esperar até o horário determinado.

6. Reaplicação do Enem

Como dissemos, se você se atrasar para a prova ou fizer algo proibido pelas regras do Enem, a única solução é esperar a edição seguinte para tentar de novo. Contudo, existem algumas situações em que você pode solicitar a reaplicação do exame e ter a oportunidade de participar da mesma edição em outra data.

Desse modo, se você estiver com alguma doença infectocontagiosa nas datas do Enem ou se passar por problemas logísticos no local de prova, é possível que você tenha direito à reaplicação. Nesse caso, você vai precisar fazer a solicitação dentro de um prazo — 5 dias úteis depois do segundo domingo de Enem — e aguardar que o seu caso seja analisado.

Por fim, a melhor maneira de seguir todas as regras do Enem e não ter problemas ao longo de todo o processo é ler o edital com bastante atenção. Desse jeito, você vai tirar suas dúvidas de uma vez e ter mais tempo de se dedicar a estudar para a prova a fim de garantir uma boa nota.

Gostou do nosso post? Acompanhe o nosso canal no YouTube e o perfil no LinkedIn para mais conteúdos úteis para você!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 10

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0Shares
0 0