12 características que definirão o profissional do futuro

12 características que definirão o profissional do futuro

Hoje, ter um bom curso superior no currículo já não é suficiente para conseguir uma posição de destaque no mercado de trabalho. Além da formação de qualidade, o profissional do futuro precisa ter uma série de virtudes que permitirão lidar com os desafios diários do ofício, muitas vezes, exercido sob pressão.

Nesse sentido, saber dialogar, colocar-se no lugar do outro e ser equilibrado emocionalmente são aspectos que fazem toda a diferença na solução de problemas corporativos. O fato é que, quanto antes você puder desenvolver as habilidades desejáveis aos futuros tomadores de decisão, mais rápido terá acesso a excelentes oportunidades.

Quer saber mais a respeito? Então, continue a leitura e veja 12 características fundamentais para ser um profissional de sucesso!

1. Empatia

Ser empático é fundamental para compreender as demandas dos chefes e colegas de setor, melhorando a comunicação e tomando decisões mais acertadas ao desempenhar as funções. Essa capacidade de se colocar no lugar do outro também permite explorar novos horizontes e testar soluções que, às vezes, você nem tinha pensado antes.

Isso porque cada um de nós carrega suas próprias experiências e conhecimento de mundo. Então, ampliar as percepções pode ser um caminho muito frutífero para encarar desafios no local de trabalho. Nesse ambiente, inclusive, há pessoas dos mais variados perfis profissionais. Decerto, você terá algo a ensinar e a aprender com cada uma delas.

2. Adaptabilidade

Já percebeu que o mundo muda a todo instante, a uma velocidade incrível? Algumas áreas passam por tantas transformações que fica até difícil acompanhar tudo o que acontece entre uma fase e outra. Nesse ritmo que tende a ficar cada vez mais acelerado, quem tem uma boa capacidade de adaptação pode se sair bem em várias atividades.

É por isso que outra qualidade necessária ao profissional do futuro é a adaptabilidade. Ela exige mente aberta para explorar e testar diferentes soluções, mesmo que isso envolva mudanças de rota e revisões de planos. Não significa que você deva deixar práticas conhecidas de lado, mas aprender a desapegar daquilo que não faz mais sentido.

3. Proatividade

Outra virtude indispensável para se destacar no mercado é a proatividade. Ser proativo quer dizer, basicamente, não se limitar às atribuições impostas a você. Significa ir além, entregando soluções em vez de chegar aos seus superiores e chefes levando problemas. Um bom exercício para treinar essa habilidade é refletir sobre determinada demanda assim que pegar o serviço.

Comece pensando no que você pode fazer para terminar a tarefa sem precisar recorrer a outros setores e, ainda, entregar algo melhor aos chefes. Antecipar as questões pode ser mais importante do que colocar a mão na massa em si. Essa atitude evita agir por impulso e permite desempenhar a função estando consciente dos resultados.

4. Liderança

Mesmo que você não pretenda trabalhar em cargos de coordenação ou supervisão, ter habilidades de liderança é algo crucial na sua carreira. O profissional do futuro consegue gerir equipes dos mais variados perfis de colaboradores, sabendo utilizar o que cada um tem de melhor para entregar resultados excelentes. Afinal, é essa a síntese de um bom trabalho em grupo.

Assim, se em algum momento você precisar assumir funções de gerência, estará apto a fazer isso de maneira segura. Até porque demonstrar firmeza, autocontrole e inteligência emocional também é imprescindível para a equipe poder confiar que está sendo bem conduzida. Além disso, com um bom líder em jogo, o grupo se sente mais motivado e à vontade para dialogar e superar os desafios.

5. Comunicação

Saber se comunicar é uma das características mais importantes no seu desenvolvimento profissional. Tudo começa com um bom diálogo, não é mesmo? Um funcionário, por melhor que seja, não conseguirá captar as demandas do chefe se não houver uma boa comunicação.

Do mesmo modo, as demais etapas do serviço também ficarão comprometidas se uma das partes não estiver totalmente por dentro do assunto. Portanto, além de saber ouvir, o profissional do futuro deve dialogar e apontar com clareza as suas propostas, objeções e sugestões.

Sempre que você discordar de algo, apresente argumentos concretos e objetivos para fazer as pessoas entenderem o real motivo do seu apontamento. Só assim terá mais credibilidade para conduzir o serviço a partir do seu ponto de vista. Mas isso, é claro, sem desconsiderar os demais levantamentos do grupo.

Inclusive, ter uma boa relação com as equipes em diversos setores ajuda a ter destaque na empresa. Os departamentos costumam atuar de forma conjunta: mesmo com cada colaborador desempenhando uma função específica, estão todos buscando o mesmo resultado. Então, saber transitar em diferentes terrenos mantém times e seus chefes alinhados para que as metas não se percam pelo caminho.

6. Criatividade

Não dá para falar em profissional do futuro sem falar de criatividade. Afinal, o mundo do trabalho está em constante transformação, sobretudo em termos de novas tecnologias, linguagens e processos. Pessoas criativas se adaptam a essas mudanças com muita facilidade e tranquilidade, como se já estivessem prontas a lidar com aquilo que há de mais inovador no mercado.

Um profissional criativo não terá problemas em substituir velhos hábitos por práticas inovadoras. Ele experimentará novas soluções diante dos mais variados desafios, até encontrar um caminho favorável para cada tarefa. Tudo sem medo de errar, pois sabe que, se isso acontecer, aprenderá com as falhas e terá novas oportunidades para fazer melhor da próxima vez.

7. Flexibilidade

Esse conceito é muito parecido com o da adaptabilidade, mas tem maior relação com a resiliência perante imprevistos. O profissional do futuro que tiver domínio dessa característica terá bastante motivação para permanecer atrás de seus objetivos, sem se deixar levar por preocupações e outros obstáculos que surgirem pelo caminho.

A flexibilidade consiste, basicamente, em manter o foco nas atividades mesmo diante de ocorrências inesperadas. Com ela, você aceita melhor as incertezas porque acredita que sua capacidade de agir sempre estará acima de qualquer problema. Em outras palavras, a vontade de vencer os percalços passa a ser maior que o impacto causado por eles.

8. Visão estratégica

Se quiser ficar à frente de grandes projetos ou de ações relevantes, o profissional do futuro também precisa desenvolver a visão estratégica. Ela consiste na capacidade de prever os melhores caminhos para os negócios, tendo como base dados reais e muita análise. O objetivo é minimizar erros de trajetória e refações que tomam tempo valioso.

A visão estratégica pode ser desenvolvida de inúmeras formas, e todas incluem estudo de mercado. Afinal, não tem como definir a direção das atividades internas sem saber o que acontece lá fora, certo? Nesse sentido, invista em aprimoramento constante para considerar a grande escala antes de partir para os detalhes.

9. Gerenciamento do tempo

Principalmente no mercado de trabalho, já sabemos que tempo é dinheiro. Portanto, saber gerenciar bem suas operações é essencial na busca por um cargo de sucesso. Sem dúvida, é um grande desafio porque estamos falando de um cenário no qual, muitas vezes, há excesso de informações. Então, é preciso filtrar aquilo que realmente interessa e manter seu foco nas prioridades.

Isso não acontece assim da noite para o dia. Quando o assunto é foco, disciplina e concentração, é necessário muito treinamento para que o hábito de gerir melhor o tempo seja incorporado à sua rotina de trabalho. O importante é estar consciente disso e, dia após dia, aumentar a produtividade. Assim, antes mesmo de imaginar, já terá controle total sobre suas funções e saberá o que é necessário para cumpri-las no prazo.

10. Colaboração

Citamos muitas características individuais, mas isso não significa que as habilidades interpessoais não sejam relevantes. A colaboração, por exemplo, precisa ser exercitada pelo profissional do futuro em todos os ambientes para que mantenha uma relação saudável e produtiva com seus colegas, superiores ou liderados.

Colaborar é colocar, quando necessário, o interesse coletivo como prioridade para alcançar um lugar vantajoso a um grupo inteiro. É saber aplicar suas habilidades e competências únicas a favor de um objetivo comum, de modo que cada envolvido contribua com o todo.

11. Autoconhecimento

Os profissionais do futuro não devem ter medo de encarar os próprios medos e inseguranças. É a partir dessa abertura que terão condições de resolver questões que, vez ou outra, atrapalham a rotina diária. Um bom começo é buscar o suporte de especialistas na área da saúde mental e de comportamento para que conduzam reflexões de forma eficaz.

O autoconhecimento é um processo contínuo a ser aplicado por toda a vida. Isso porque, com o tempo, você pode viver mudanças de hábitos, crenças e desejos que afetam a rota de novos projetos. A diferença é que, com uma boa dose de saberes sobre o próprio perfil, fica muito mais fácil entender quais caminhos seguir.

12. Controle emocional

Muito se fala em inteligência emocional. Não à toa, pois, felizmente, as pessoas passaram a dar importância para o tema da saúde mental. De fato, não adianta ser um profissional supertalentoso no trabalho se, na vida pessoal, você se sentir frustrado. Manter esse equilíbrio é a chave para conduzir seu trabalho com mais motivação e, consequentemente, melhores resultados.

Desenvolvendo essas características, você estará prestes a se tornar o profissional do futuro para ter destaque, seja qual for o seu segmento de atuação. Apenas se lembre de que é preciso atualização e aperfeiçoamento com cursos complementares para ir em frente com mais segurança e convicção do seu próprio talento.

Gostou do post? Então, siga as nossas redes sociais e fique por dentro de mais conteúdos como este — Facebook, Instagram, Twitter e YouTube.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.6 / 5. Número de votos: 12

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0Shares
0 0