O que é Formação Pedagógica? Entenda seu objetivo

o que é formação pedagógica

O mercado de trabalho está cada vez mais concorrido. Por isso, é preciso que o profissional busque sempre formas de se destacar perante a concorrência ou alternativas para a sua carreira. Se você tem um diploma de bacharel, por exemplo, uma possibilidade seria trabalhar em sala de aula. No entanto, você sabe o que é Formação Pedagógica?

Essa é uma ótima oportunidade para quem se formou em uma graduação do tipo bacharelado ou tecnólogo conseguir trabalhar com licenciatura sem precisar fazer uma outra faculdade ou prestar o vestibular novamente. Além disso, é uma excelente forma de ampliar os seus horizontes profissionais, adicionando um novo leque de possibilidades à sua carreira.

Se você ficou interessado, continue a leitura deste post. Nele, vamos explicar melhor o que é a Formação Pedagógica e no que ela difere de uma segunda licenciatura, para quem ela é indicada e o que precisa ser considerado ao escolher esse tipo de curso. Boa leitura!

O que é Formação Pedagógica?

Buscando suprir uma alta demanda de professores para os níveis fundamental e médio, além de garantir que tais profissionais tenham a qualificação necessária para o cumprimento do seu trabalho, o MEC publicou a Resolução nº 2, de 1º de julho de 2015, com o intuito de atender a essa necessidade das escolas.

De acordo com a Resolução, fica mais fácil obter um diploma de licenciatura para os seguintes profissionais:

  • bacharéis e tecnólogos, que queiram trabalhar com a docência;
  • professores já licenciados, mas que desejam obter uma segunda licenciatura;
  • professores não licenciados e que querem contar com essa formação.

Assim, foi instaurada a Formação Pedagógica, voltada para bacharéis e tecnólogos que queiram trabalhar com a docência. O curso tem duração de 1 ano, podendo ser oferecido na modalidade presencial ou a distância. Essa licenciatura de curta duração pode ser encontrada nas principais áreas do conhecimento, como:

  • Língua Portuguesa;
  • Matemática;
  • História;
  • Geografia;
  • Física;
  • Química;
  • Biologia.

A Formação Pedagógica deve oferecer ao aluno uma combinação de teoria e prática. Entre as disciplinas teóricas, temos:

  • Prática e Metodologias de Ensino;
  • Didática;
  • Psicologia da Educação.

A parte prática fica por conta do estágio supervisionado, que deverá ser realizado em instituições de ensino básico. Nele, o aluno aprenderá a preparar aulas e avaliações, trabalhar em sala de aula e administrar as atividades da rotina escolar, como fazer o planejamento e as reuniões pedagógicas.

O diploma obtido tem o mesmo peso do recebido ao completar uma licenciatura e é credenciado, e reconhecido pelo MEC

Para quem ela é indicada?

A Formação Pedagógica é diferente da segunda licenciatura, uma vez que ela é indicada para profissionais já formados em cursos superiores, mas com diploma de bacharelado ou tecnólogo, e que desejam ampliar as suas oportunidades de trabalho ao adicionar a docência ao seu escopo. 

Porém, eles só poderão dar aulas relacionadas à formação original, já que precisam ter cumprido, no mínimo, 160 horas daquela disciplina na grade da graduação. Caberá à instituição de ensino escolhida para a Formação Pedagógica verificar, ao analisar o histórico escolar, se o candidato está capacitado para a realização do curso.

Por exemplo, um bioquímico poderá dar aulas apenas de Biologia ou Química para os alunos do Ensino Fundamental, do Ensino Médio ou da Educação Profissional. Já um engenheiro poderá dar aulas de Matemática, enquanto um jornalista ficará encarregado da disciplina de Língua Portuguesa.

desconto-universidade-cruzeiro-do-sulPowered by Rock Convert

Outra vantagem da Formação Pedagógica é que os interessados não precisam realizar um novo vestibular para dar continuidade aos estudos: basta que apresentem o certificado e o histórico escolar do curso superior no ato da matrícula.

O que considerar ao escolher uma Formação Pedagógica?

O profissional que quiser continuar os seus estudos certamente encontrará uma série de vantagens ao optar pela Formação Pedagógica. A seguir, veja alguns dos benefícios que devem ser considerados ao escolher essa licenciatura mais curta.

Não precisa prestar vestibular

Todos nós sabemos que a preparação para o exame do vestibular pode ser desgastante para o interessado, além de demandar muito tempo para os estudos. Esses agravantes se tornam ainda mais decisivos se considerarmos alguém que já está no mercado de trabalho e que precisa cumprir com as responsabilidades da sua corrida jornada laboral.

Nesse cenário, a Formação Pedagógica é uma ótima opção para dar continuidade aos estudos, uma vez que não será preciso passar por uma avaliação para ingressar no curso. Será necessário apenas que a instituição de ensino escolhida avalie o histórico escolar da graduação do candidato para determinar qual é a melhor área para ele.

Dá para conseguir o diploma em pouco tempo

Normalmente, uma licenciatura costuma durar entre 3 e 4 anos. Porém, com a Formação Pedagógica é possível receber o diploma depois de 1 ano, em média. A rapidez se dá pelo direcionamento do curso, voltado mais para a prática de ensino. 

Ao final da formação, o diploma recebido será reconhecido pelo MEC e terá o mesmo peso que o de uma licenciatura convencional.

Possibilita ampliar os horizontes profissionais

Sabemos que o país sofre com a falta de professores para os níveis fundamental e médio. Portanto, ao fazer a Formação Pedagógica é possível ampliar os seus horizontes profissionais, adicionando a docência às suas possibilidades de carreira.

Com esse diploma em mãos, o profissional estará apto não apenas para dar aulas, mas também para participar de concursos públicos na área.

Possibilidade de estudar na modalidade de ensino a distância

Por fim, muitas instituições oferecem a Formação Pedagógica nas modalidades de ensino presencial e a distância. Optar pelo curso EAD é uma excelente alternativa para aquela pessoa que já tem um emprego e quer continuar os estudos. Dessa forma, ela não precisará se deslocar até a instituição todos os dias e poderá se dedicar às disciplinas de acordo com a sua rotina.

Ainda assim, será necessário realizar o estágio supervisionado em uma instituição de ensino básico, na qual o profissional poderá colocar em prática o conhecimento aprendido nas aulas teóricas e terá contato com a rotina escolar.

Como vimos, a Formação Pedagógica é uma excelente opção para bacharéis ou tecnólogos que queiram continuar os estudos e ampliar a sua área de atuação. Afinal, a docência está sempre com boas oportunidades de emprego para professores capacitados. 

Porém, para desfrutar do diploma ao máximo, é preciso escolher uma instituição que seja reconhecida pelo MEC e que ofereça uma boa estrutura de ensino ao aluno.

Agora que você já sabe o que é Formação Pedagógica, veja como a Cruzeiro do Sul é a sua melhor opção!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
0Shares
0 0