Descubra qual o momento certo para uma mudança de turno na faculdade

mudança de turno

A gestão de tempo é um ponto essencial para que você consiga manter uma rotina saudável e executar com tranquilidade todas as atividades do seu dia. Assim, é possível aliar estudos, trabalho, vida social e autocuidado. É por isso que a mudança de turno na faculdade pode ser necessária em vários casos.

Alguns alunos passam por várias mudanças na rotina, fazendo com que seja interessante ou necessária a alteração do turno da graduação, para conseguirem cumprir todas as tarefas de forma equilibrada. A questão é que muitas pessoas não sabem que isso é possível, nem como é feito o procedimento.

É por isso que, neste post, queremos dar alguns detalhes de como fazer a mudança de turno e, mais ainda, quando identificar que chegou o momento de pedir a transferência. Acompanhe e saiba mais!

Quando a mudança de turno é possível e recomendada?

A mudança de turno é recomendada sempre que o aluno percebe que a rotina está passando por alterações e que o período em que se matriculou não está mais compatível com as demais atividades que precisa realizar.

Desse modo, é interessante observar alguns comportamentos que indicam a necessidade da mudança de turno, como:

  • esgotamento e falta de adaptação no turno;
  • os horários do curso conflitam com os de outras atividades;
  • atrasos e faltas no curso ou em demais atividades se tornam mais frequentes.

A mudança será realizada pela instituição de ensino se e quando houver vagas disponíveis nos novos horários do turno. Além disso, a transferência precisa acontecer de modo a não trazer prejuízos às atividades do estudante no curso, como calendário acadêmico, provas, entre outras.

Como é feito o procedimento?

O procedimento é mais simples do que parece. Primeiro, é necessário entrar em contato com a instituição de ensino para fazer a solicitação, com o campus, curso e novo turno. Feito isso, pode ser que a instituição de ensino solicite alguns documentos para concluir o processo.

Quando os papéis e a solicitação forem analisados, o aluno será informado sobre a conclusão de mudança de turno. Assim, é só se preparar para se adaptar.

Como se adaptar à mudança de turno?

A adaptação à transferência de turno pode ser complicada de início, mas basta pensar que o processo é semelhante ao de começar um curso. Você vai passar a ter contato com outros colegas de classe, provavelmente com novos professores, e criar uma nova rotina.

Para se adaptar a essas mudanças, vale a pena seguir algumas dicas, como:

  • reserve um tempo para descanso em sua rotina;
  • tire todas as suas dúvidas;
  • converse com os novos colegas;
  • mantenha as matérias em dia;
  • faça um bom planejamento da nova rotina;
  • não tenha medo.

Que direitos tem o trabalhador-estudante?

Outro ponto importante que alguns alunos não sabem é que todo trabalhador-estudante, seja de um curso de graduação ou de pós-graduação, pode aproveitar alguns benefícios previstos por lei. Um deles é o de faltar, com justificativa, no trabalho em dias de prova ou anteriores a uma avaliação, obedecendo as condições do estatuto e empresa.

Além disso, é possível ter ajustes nos horários de trabalho, a fim de encontrar a jornada mais compatível com a rotina de estudante, considerando o tempo de deslocamento para o ambiente profissional e a instituição de ensino.

Quais os passos para melhorar a rotina de estudo na mudança de turno?

Fazendo ou não o processo de mudança de turno, é importante encontrar maneiras de melhorar a sua rotina de estudos, para aproveitar melhor o período universitário, sem se sobrecarregar ou ter prejuízos em outras áreas da vida.

Veja algumas dicas que vão ajudar você nessa missão!

Prepare o seu ambiente de estudos

O primeiro passo é cuidar do seu local de estudo. Ter um ambiente favorável à concentração vai otimizar seu tempo e impulsionar a absorção de conteúdo, de modo que o seu rendimento cresça.

Sendo assim, encontre um espaço com boa iluminação, que seja confortável para passar algumas horas, sem barulho e com poucas distrações. Assim, o seu corpo e a sua mente se preparam melhor para realizar as tarefas da rotina de estudo.

É importante fazer um esforço para eliminar as possíveis distrações. Deixar o celular em outro cômodo, caso você não precise utilizá-lo, e evitar abrir as redes sociais durante o período de estudos são atitudes que vão ajudar muito a melhorar o foco e aumentar a produtividade.

Encontre os seus melhores horários

No entanto, mesmo com um ambiente de estudos favorável, algumas pessoas não conseguem se concentrar. Isso pode ser influência de vários fatores, inclusive o horário.

Cada indivíduo tem um período do dia em que sente mais disposição para a realização de tarefas com longa duração, e encontrar o seu melhor momento é importante. Assim, você pode ajustar a rotina para ter um melhor aproveitamento dos estudos.

Por exemplo, se você é uma pessoa diurna e, nas últimas horas do dia, já se sente sem energia, de nada adianta se organizar para estudar à noite. O ideal é deixar as tarefas que não exigem tanta atenção para esse período e aproveitar outros momentos para estudar.

Inclusive, ainda que a quantidade de horas disponíveis em outro período seja menor, a produtividade costuma ser maior, justamente pelo fato de o tempo ser mais bem aproveitado. Por esse motivo, vale muito mais a pena se organizar de acordo com o seu próprio ritmo e as outras tarefas de sua rotina.

Faça um cronograma

Um cronograma de estudos vai guiar toda a sua rotina e facilitar a organização. Ter um planejamento é sempre recomendado para diminuir a preocupação com o que você precisa fazer e aumentar o foco.

Por esse motivo, no início da semana, reserve um tempo para organizar a sua rotina de estudos dos próximos dias, definindo os horários para estudar as matérias vistas em aula, realizar as atividades que devem ser entregues, entre as demais demandas do curso.

Priorize o seu descanso

O descanso pode parecer um luxo, principalmente para os alunos que precisam conciliar trabalho e estudo, mas, na verdade, trata-se de uma prioridade. Quando você não tem tempo para praticar o autocuidado e ter uma boa noite de sono, a sua produtividade ao longo da rotina tende a cair.

Isso sem contar que o corpo cansado está mais vulnerável a problemas de saúde. Por esse motivo, não vale a pena negligenciar o seu descanso. Para ajudar, planeje como serão os seus períodos de relaxamento e as pausas ao longo do cronograma de estudos.

Gostou de saber que a mudança de turno na faculdade é uma possibilidade? Aproveite essas oportunidades, sempre que necessário, para ter um bom desempenho nos estudos, sem deixar de cuidar das outras áreas de sua vida.

O post foi útil para você? Então, assine a nossa newsletter e fique por dentro das nossas postagens!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
0Shares
0 0