Saiba como funciona um estágio a distância

estágio a distância

O estágio universitário, obrigatório ou extracurricular, é parte importante da formação do estudante. Afinal, ele dá experiência profissional e possibilita a vivência prática dos aprendizados teóricos vistos durante as aulas. O que você talvez não saiba é que o estágio a distância é um modelo cada vez mais utilizado pelas empresas.

É claro: a pandemia do novo coronavírus impulsionou o trabalho remoto como uma excelente opção em tempos de distanciamento social. Porém, com ou sem Covid-19, a prática cresceu 22% só entre 2016 a 2018, segundo a Pesquisa Home Office 2018, realizada pela Sociedade Brasileira de Teletrabalho e Teleatividades (Sobratt).

Ou seja, o home office é uma tendência crescente já há alguns anos, inclusive nos estágios. E nós vamos contar os motivos! Continue a leitura e entenda por que o estágio a distância é tão promissor, o que a Lei diz sobre essa prática e como ele funciona!

O que é o estágio a distância?

O trabalho remoto ou home office é, como o próprio nome indica, realizado fora das dependências físicas de uma empresa. Com o estágio a distância, é a mesma coisa: as atividades profissionais são feitas em casa, em geral, por meio de um computador.

Se antes os empregadores podiam torcer o nariz para a ideia de ter seus colaboradores trabalhando sem supervisão direta, atualmente essa prática é extremamente valorizada e muitas empresas têm saído de sua zona de conforto para implementá-la. Até porque as vantagens do home office se tornaram cada vez mais conhecidas. E elas são muitas! Olha só:

  • otimização da mobilidade urbana — as cidades agradecem, pois o home office favorece a redução de carros nos centros urbanos, especialmente nos horários de pico;
  • redução da poluição urbana — menos gente circulando também é sinônimo de sustentabilidade, pois os meios de transporte são grandes vilões do agravamento do efeito estufa. Só os automóveis podem ser responsáveis por mais de 70% da emissão de gases poluentes nos centros urbanos;
  • melhoria da qualidade de vida — os colaboradores são os mais beneficiados, pois ganham em qualidade de vida, têm a possibilidade de trabalhar com conforto e autonomia, além de economizarem tempo e dinheiro.

Quem faz estágio a distância também pode desfrutar dessa grande vantagem, pois não precisa se deslocar para ir e vir da empresa, ao menos não todos os dias. Para estagiários, a flexibilidade na rotina proporcionada pelo home office é muito bem-vinda: qualquer minuto ganho no dia a dia de um estudante que trabalha é valioso.

O que a Lei do Estágio diz sobre esse modelo?

A Lei nº 11.788/2008, que regulamenta a prática do estágio no Brasil, não fala especificamente sobre atividades realizadas a distância. No entanto, também não há proibição desse modelo de trabalho. O mais importante é que o estudante possa desenvolver seu aprendizado próprio para a futuro profissão, seja presencialmente, seja por meio do trabalho remoto.

Porém, em razão da pandemia do novo coronavírus, foi emitida a Medida Provisória nº 927 em março de 2020 que dispõe sobre práticas trabalhistas emergenciais durante o período de distanciamento social. A MP deixa clara a permissão do estágio a distância:

desconto-universidade-cruzeiro-do-sulPowered by Rock Convert

Art. 5º. Fica permitida a adoção do regime de teletrabalho, trabalho remoto ou trabalho a distância para estagiários e aprendizes […]

Ainda, tendo em vista que a prática do home office já foi regulamentada pela Nova Lei Trabalhista (Lei nº 13.467/2017), as chances de o estágio a distância logo ser normatizado também na legislação do estágio não são pequenas.

Como ele funciona na prática?

Na prática, um estágio a distância funciona como qualquer trabalho remoto. O estudante é orientado a realizar determinadas atividades profissionais que construam sua experiência na futura área de atuação. Para que tudo corra bem e haja um bom aproveitamento, é ideal contar com:

  • reuniões de planejamento — líderes, supervisores e estagiários precisam ter um plano de atividades remotas bem definido para que as rotinas de trabalho sejam produtivas;
  • recursos adequados — a empresa deve se certificar de que o estagiário tenha os recursos necessários para as suas atividades, como um computador, boa conexão com a internet, licenças em softwares e aplicações utilizados pela empresa, plano de telefonia etc.;
  • acompanhamento contínuo — os supervisores devem estar em contato frequente com o estagiário para ele não ficar à deriva, o que pode ser feito por meio de encontros diários por videochamada, conversas por WhatsApp, e-mails frequentes etc.

O estágio a distância também pode ser realizado somente em jornadas parciais, isto é, alguns dias da semana o estudante vai até a empresa, em outros, trabalha em casa. Nesse caso, ele recebe as orientações e acompanhamento nos dias de atividades presenciais.

No mais, o bom funcionamento do estágio a distância depende sobretudo das habilidades e competências do estudante: capacidade de gestão de tempo, organização e autodisciplina são características fundamentais. Não só para esse tipo de experiência como para a construção de uma carreira de sucesso no futuro.

Como ficam os estágios durante o período da pandemia?

Uma das medidas mais efetivas para conter a transmissão de Covid-19 é o distanciamento social. Por isso, as autoridades da Saúde recomendam a suspensão de atividades em que há a aglomeração de pessoas durante o período de enfrentamento da pandemia.

É por isso que, no primeiro semestre de 2020, houve um salto no número de empresas operando a distância, resultado da necessidade do mercado de trabalho de continuar gerando resultados, mesmo em um contexto tão desafiador. Esse impulso, porém, veio para acelerar uma tendência que já era definitiva.

Por isso, o home office pode crescer até 30% após a estabilização da pandemia, de acordo com as estimativas de André Miceli, professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Em relação aos estágios, embora muitas empresas tenham optado por suspender seus contratos, a expectativa é de que haja um movimento semelhante.

Afinal, o estágio a distância têm de tudo para dar certo e traz todas as vantagens já conhecidas do home office, tanto aos colaboradores quanto à empresa e até ao planeta. Assim como nas atividades presenciais, os meios tecnológicos podem derrubar as barreiras físicas e proporcionar o mesmo aprendizado prático para o estudante.

Gostou do conteúdo? Então, assine nossa newsletter! Assim, poderemos avisar por e-mail sobre as novidades do blog!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.2 / 5. Número de votos: 6

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
0Shares
0 0