Especialização lato sensu: o que você precisa saber?

especialização lato sensu

Você sabe o que é uma especialização lato sensu? Antes de explicar o que é esse tipo de curso, vale a pena ressaltar os diferentes modelos de pós-graduação que qualquer pessoa com diploma de Ensino Superior pode escolher.

De um lado, existem as pós de tipo stricto sensu, voltadas para quem busca seguir uma carreira acadêmica. Nesse caso, o mestrado e o doutorado se destacam. Do outro, há o tipo lato sensu, que diz respeito à especialização e ao MBA.

Neste post, vamos explicar o que é pós-graduação de tipo lato sensu e para quem esses cursos são recomendados. Quer saber mais sobre o tema? Então, não deixe de acompanhar!

O que é uma especialização lato sensu?

Agora que você sabe o que é lato sensu e stricto sensu, que tal entender melhor sobre as diferenças entre especialização e MBA (Master of Business Administration)? O segundo tipo de pós-graduação é voltado para conteúdos de gestão, sendo mais indicado para profissionais da Administração ou que desejam ocupar cargos executivos.

Já a especialização tem como objetivo o aprofundamento em uma determinada área de atuação. Desse modo, os profissionais têm a oportunidade de desenvolver conhecimentos e habilidades sobre algum tema relacionado à formação.

Quais são os diferenciais de uma especialização lato sensu?

Como visto, o MBA e pós stricto sensu têm como objetivo a preparação para uma carreira específica, como na gestão executiva de negócios ou na pesquisa acadêmica e docência. Por outro lado, a especialização lato sensu abre uma maior possibilidade de estudo focando no mercado de trabalho.

Dentro desse tipo de pós-graduação, é possível encontrar os mais variados cursos e se especializar nos mais diversos nichos de atuação. Por exemplo, uma pessoa que se formou em Psicologia e acha interessante estudar os conteúdos relacionados à área de Recursos Humanos pode se especializar em Psicologia Organizacional. Assim, ela vai entender mais sobre os aspectos relacionados ao comportamento e à saúde mental no ambiente de trabalho.

Para quem é recomendada uma especialização lato sensu?

A especialização lato sensu é uma ótima opção para todas as pessoas que já têm o diploma de graduação, mas têm interesse em conhecer mais sobre alguns temas específicos.

Por meio de uma pós-graduação, é possível também encontrar melhores oportunidades no mercado de trabalho, ao ocupar cargos que exigem um maior nível técnico acerca de um determinado assunto para o desempenho das funções.

Assim, ter uma especialização oferece a você maiores benefícios, como salários mais altos, empregabilidade e reconhecimento na carreira. Sendo assim, traz uma série de vantagens de forma prática.

Afinal, os cursos de pós lato sensu costumam ter duração média de 360 horas. Dessa forma, é possível aprender mais e ter acesso a ótimos espaços no mercado, com um pequeno investimento de grandes resultados.

Agora que você sabe o que é pós-graduação e conhece os diferenciais da especialização lato sensu, consegue imaginar o que pretende fazer após a conclusão do Ensino Superior? Vale a pena considerar os benefícios da pós para investir cada vez mais no seu futuro.

Continuando o assunto, que tal entender mais sobre as diferenças entre stricto sensu e lato sensu?

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3.7 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
0Shares
0 0