O que considerar para fazer duas graduações ao mesmo tempo?

duas graduações ao mesmo tempo

Você já sabe que vale a pena fazer faculdade e que a formação superior já deixou de ser um diferencial para ser um dos requisitos principais no mercado de trabalho. Além de garantir mais chances profissionais, você ganha em desenvolvimento pessoal com a aquisição de mais conhecimento. Os mais audaciosos e visionários optam, ainda, por fazer duas graduações ao mesmo tempo

Será que isso é vantajoso? Afinal, assumir o compromisso de cursar uma faculdade já é uma missão e tanto e impõe desafios, principalmente para quem precisa conciliar estudo e trabalho. Por outro lado, conhecimento nunca é demais para quem almeja crescer profissionalmente. 

Acompanhe, neste post, as possibilidades, vantagens e os desafios para quem decide fazer duas graduações ao mesmo tempo! 

É possível fazer duas graduações ao mesmo tempo? 

Sim, você pode fazer dois cursos de uma só vez, mas isso é possível somente em uma instituição particular, ou pode ser uma graduação na faculdade privada e a outra em universidade pública. O que não é permitido é ocupar duas vagas públicas. 

Também há restrição quanto ao uso de bolsa do ProUni ou ingresso por meio do Sisu em dois cursos. Essas possibilidades valem para somente uma graduação. Exceto nessas condições, você pode se matricular em duas graduações ao mesmo tempo. 

Entretanto, é bom saber que os desafios são maiores para quem opta por dois cursos simultâneos. A carga de estudos vai duplicar, serão muitas disciplinas para dar conta, além de trabalhos e provas em dobro. Isso tudo vai exigir bem mais tempo da sua rotina. 

Então, quando fazer duas graduações ao mesmo tempo? Essa opção é mais viável para quem tem uma rotina flexível de trabalho ou pode se dedicar somente aos estudos. Contudo, mesmo que seu dia a dia seja atribulado, não significa que é impossível se formar em dois cursos, mas essa jornada vai demandar muita dedicação e organização

O que considerar para fazer dois cursos de uma só vez? 

Trouxemos algumas dicas para você avaliar a possibilidade de fazer duas graduações ao mesmo tempo e obter bons resultados. Veja! 

Faça um bom planejamento 

Para lidar com várias atividades sem se perder, é preciso fazer um planejamento minucioso, considerando as tarefas semanais, mensais e semestrais das duas faculdades. Lembre-se que, além das disciplinas obrigatórias e dos estágios supervisionados, ao longo dos cursos acontecem eventos acadêmicos importantes, como palestras e seminários. 

Não confie apenas na sua agenda mental para fazer esse planejamento. Conte com recursos que vão ajudar você a visualizar os futuros compromissos, como planilhas ou aplicativos de organização de tarefas. 

Analise os prós e contras 

Antes de efetuar sua matrícula em duas graduações ao mesmo tempo, pare e pense nas vantagens e desvantagens disso. Os dois cursos escolhidos vão realmente contribuir para a construção da carreira que você deseja? Será que todo o esforço vai ser recompensado? Não seria mais viável concluir a primeira faculdade para depois iniciar outra? 

Portanto, é importante delinear um plano de carreira em primeiro lugar. Assim, dependendo dos rumos que você pretende tomar, talvez seja mais interessante apostar em especializações. Pode ser mais fácil fazer duas pós-graduações ao mesmo tempo, tendo em vista a menor carga horária desses cursos. 

Considere o orçamento 

Tempo e dinheiro são dois recursos escassos para grande parte das pessoas. Sendo assim, é importante considerar também os custos de fazer dois cursos superiores de uma só vez. Avalie todos os possíveis gastos e veja se isso não vai prejudicar o seu orçamento. 

Além das mensalidades, você terá outras despesas eventuais ao longo das graduações, como a compra de livros ou apostilas. Mesmo que uma das faculdades seja pública, há custos com transporte, alimentação fora de casa, entre outros. 

Tenha disciplina 

É óbvio que disciplina é uma das palavras de ordem para ter produtividade e bom rendimento nos estudos. Isso é ainda mais importante se você fizer duas graduações ao mesmo tempo, em razão do excesso de conteúdo para assimilar. 

Se a disciplina é um dos pilares do bom desempenho acadêmico, a procrastinação vem na contramão, representando um sério problema na vida universitária. Então, já comece as duas graduações ciente de que não deve deixar tarefas e leituras acumularem, pois isso pode culminar no efeito “bola de neve”. 

Organize sua rotina 

Planejamento, disciplina e organização de rotina caminham juntos. Se você vai fazer dois cursos de uma vez, precisa gerenciar muito bem o seu tempo para não deixar atividades pendentes e, dessa forma, evitar a alta carga de estresse. 

Para isso, vale a pena fazer um cronograma de estudos bem detalhado, com demarcação de dia e horário para todas as tarefas acadêmicas, o que inclui leituras, preparação para provas, elaboração de trabalhos, documentário e filmes indicados etc. Além disso, tem as atividades extracurriculares e os estágios obrigatórios. 

Outro ponto que deve constar na organização da sua rotina de estudos é a logística de deslocamento entre as faculdades e o trabalho. Nesse sentido, os cursos na modalidade EAD (Educação a Distância) podem facilitar a vida do estudante. 

Veja a possibilidade de aproveitar as disciplinas 

Você também pode verificar se as duas graduações têm disciplinas equivalentes e que possam ser aproveitadas. Procure saber na secretaria da faculdade qual é a política de dispensa de matérias. Geralmente, basta solicitar a abertura de requerimento e apresentar documentos que comprovem o valor formativo da disciplina já cursada.

Quais são os benefícios de fazer duas graduações ao mesmo tempo? 

Apesar de ser cansativo, é claro que há muitos pontos positivos em fazer dois cursos de graduação. Podemos destacar: 

  • aumento e diversificação dos conhecimentos; 
  • enriquecimento do currículo; 
  • mais chances de uma boa colocação no mercado de trabalho; 
  • múltiplas opções de atuação; 
  • obtenção de dois diplomas e dois títulos profissionais. 

Para facilitar sua vida acadêmica ao optar por duas graduações ao mesmo tempo, vale a pena tomar alguns cuidados, como o tipo de formação. Os bacharelados, principalmente os de maior duração, como Medicina e Engenharias, são muito mais difíceis de serem conciliados com outro curso. Já os tecnólogos, que duram somente 2 ou 3 anos e têm ótima aceitação no mercado de trabalho, podem ser boas escolhas. 

Você acha que é uma boa ideia fazer dois cursos ao mesmo tempo? Tem esse objetivo? Deixe seu comentário aqui no post!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
0Shares
0 0