6 dicas de saúde mental para manter sua qualidade de vida

dicas de saúde mental

Mesmo em sociedades que funcionam a um ritmo acelerado, muitas pessoas têm buscado formas de reservar mais tempo para cuidar de si mesmas. Uma estratégia bastante simples é pesquisar dicas de saúde mental em conteúdos de sites, blogs e até das redes sociais.

Felizmente, há muitos materiais de qualidade disponíveis na internet. Vale a pena consultá-los sempre que você precisar de ajuda para levar uma rotina mais leve, aumentar o próprio bem-estar e ter disposição no dia a dia. Por falar nisso, preparamos um artigo que também pode inspirar algumas mudanças.

A seguir, listamos 6 medidas que contribuem para a manutenção da qualidade de vida, a importância de cada uma delas e como aplicá-las. Prossiga com a leitura para conferir.

1. Faça atividade física

Que mexer o corpo ajuda a queimar calorias e reduzir medidas todo mundo sabe, mas os benefícios dessa prática vão além do emagrecimento para fins estéticos. Ao se exercitar, você estimula o cérebro a liberar endorfina, também conhecida como hormônio da felicidade.

O resultado é notório, com a sensação de relaxamento, que atinge todo o corpo e acalma a mente. Outros efeitos positivos incluem melhora da memória e da concentração, elevação do humor, alívio de dores, redução dos desconfortos musculares e aumento da energia.

Com a necessidade de permanecer mais tempo em casa por conta do coronavírus, algumas pessoas pausaram os treinos e a prática de esportes. A solução para evitar o sedentarismo, portanto, é apostar em modalidades que possam ser feitas no ambiente residencial.

Escolha um exercício que você goste e tenha prazer em realizar. Pode ser ioga, alongamento, aula de ginástica aeróbica, dança e até musculação. O importante é ter periodicidade para fortalecer o sistema imunológico e se sentir bem.

2. Pense e aja de maneira positiva

Ser otimista não significa ignorar os problemas do mundo, mas enxergar as coisas de uma forma mais despreocupada. O objetivo é evitar sofrimento por antecipação, ou seja, sentimentos de medo ou de angústia mesmo quando você não tem certeza sobre algo que ocorreu ou vai acontecer.

Uma boa maneira de exercitar esse tipo de pensamento é analisar cada momento da sua vida com tranquilidade, sem pender para nenhum extremo. Por exemplo, antes de definir uma situação como “horrível” ou “excelente”, lembre-se de que pode haver um meio-termo que serve muito bem.

Também evite usar linguagem negativa frente a uma ocorrência difícil, como desemprego recente ou término de relacionamento. O ideal é refletir sobre os possíveis motivos para estar enfrentando cada adversidade, tendo em mente que todas são passageiras.

3. Prepare o ambiente para dormir bem

Seu corpo pode até dar jeito de aguentar várias horas de esforço após uma noite maldormida. No entanto, você já teve a impressão de que a mesma estratégia não costuma funcionar com o cérebro? Comece a observar como o desempenho desse órgão é prejudicado quando você não descansa o suficiente.

Com a fadiga gerada pela falta de energia, não conseguimos ter foco para prestar atenção às coisas mais simples do cotiano. O resultado vem na forma de preguiça, desânimo e, em alguns casos, tristeza. Ninguém quer ter a percepção de que os dias perderam o sentido ou ficaram entediantes, certo?

desconto-universidade-cruzeiro-do-sulPowered by Rock Convert

Por isso, uma das mais importantes dicas de saúde mental é dormir bem. Defina o tempo ideal de sono e programe-se para cumpri-lo todos os dias. Antes de deitar, diminua as luzes do quarto, evite o brilho das telas e siga rituais relaxantes, como passar hidratante, tomar um banho quente etc.

4. Reserve momentos para se divertir

Opções de entretenimento são fundamentais para alegrar seus dias. Vale ver vídeos engraçados, assistir a séries, praticar algum esporte ou apenas jogar conversa fora com alguém. Saiba, inclusive, que dar boas gargalhadas é outra maneira de liberar endorfinas e desfrutar de sensações agradáveis.

O ideal é que você reserve algumas horas da sua agenda para curtir momentos descontraídos. Se não puder visitar amigos e familiares, tire proveito dos recursos da internet e garanta ótimas interações: invista nas videochamadas de grupo, convide as pessoas para jogar online ou marque uma live.

Nesses instantes exclusivos para a diversão, procure se dedicar apenas àquilo que mantém a sua mente distante dos compromissos e afazeres diários. Lembre-se de que o lazer também tem papel relevante em uma rotina equilibrada e deve ser valorizado.

5. Evite se sobrecarregar

Proatividade e empatia são qualidades imprescindíveis para quem deseja ter sucesso ao se relacionar com os mais variados grupos. No entanto, é preciso tomar cuidado para que a vontade de ajudar outras pessoas não seja maior que o interesse pelo seu próprio bem-estar.

Isso não significa que você deva começar a ser individualista ou pensar apenas em suas necessidades. Afinal, é possível chegar a um equilíbrio que permita viver em harmonia com todos à sua volta. Em todo caso, seja realista e saiba dizer não quando perceber que uma demanda deixará sua rotina atribulada.

Organizar os horários de acordo com o tipo de atividade a desenvolver, conciliando vida pessoal e profissional, também é fundamental. Dessa forma, você terá tempo suficiente para curtir a família e as amizades, exercer seus trabalhos e aproveitar a folga do jeito que preferir.

6. Não se cobre tanto

Às vezes, não há fim de semana incrível ou semana produtiva no trabalho que seja capaz de levantar o nosso astral. Simplesmente acontece. E está tudo bem, já que não somos máquinas programadas para gerar o mesmo tipo de resposta a determinados estímulos. Inclusive, saber não se cobrar faz parte da inteligência emocional.

Ainda que a positividade seja útil para enfrentar os dias com mais leveza, ela jamais deve ser uma sensação forçada. Não há problema nenhum em desistir de vez em quando, principalmente se a insistência estiver causando desconforto e outros sintomas ruins.

Respeite o seu ritmo e modo de fazer as coisas. Aceite o fato de que haverá momentos maravilhosos, outros nem tanto. Altos e baixos se complementam; fazem parte da vida, e você não precisa lutar contra isso. Basta dar o melhor em cada tarefa e os resultados virão em seus respectivos tempos.

Viu como mudanças pouco perceptíveis podem trazer mais alegria e vitalidade aos seus dias? Vale ressaltar que os benefícios das dicas de saúde mental afetam diretamente a condição física; portanto, está aí outro excelente motivo para você aplicar tudo o que apresentamos.

Ainda não tem cadastro na nossa newsletter? Inscreva-se agora e receba atualizações do blog assim que novos conteúdos forem publicados!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3.3 / 5. Número de votos: 3

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
0Shares
0 0