Como desenvolver inteligência emocional: 5 dicas que vão ajudar você

Você já sabe como desenvolver inteligência emocional? Se ainda não tem essa competência bem elaborada, está na hora de conhecer um pouco mais sobre a importância de ser uma pessoa emocionalmente inteligente. Afinal, essa é uma habilidade que faz toda diferença na vida pessoal e no perfil profissional.

Em resumo, a inteligência emocional é a capacidade de reconhecer e lidar com as próprias emoções de forma saudável, assim como compreender os sentimentos e reações das outras pessoas. Quem desenvolve essa característica aumenta suas chances de sucesso na vida — o que pode ser refletido até em termos de empregabilidade.

Então, se o seu objetivo é se tornar alguém bem-sucedido, saiba que algumas ações podem facilitar esse processo, como voltar a estudar, investir em crescimento profissional e desenvolver inteligência emocional. Descubra, neste post, como fazer isso!

1. Trabalhe o autoconhecimento

O primeiro passo para desenvolver a inteligência emocional é aprender a conhecer as próprias emoções. O autoconhecimento é uma fonte de transformação, mas poucas pessoas se apoiam nessa força. Na verdade, conhecer a si mesmo é algo raro.

Somos movidos por padrões de comportamento e pensamento já cristalizados, mas não temos o hábito de refletir sobre quem realmente somos, o que sentimos e do que gostamos. Portanto, se a inteligência emocional representa a capacidade de identificar e controlar as próprias emoções, logo o autoconhecimento é um dos pilares dessa habilidade.

2. Pratique o autocontrole

Assim como o autoconhecimento, o autocontrole é dos elementos-chave para desenvolver a inteligência emocional. Além de aprender a reconhecer as emoções que nos invadem, também é preciso saber equilibrá-las.

Mas vale lembrar que controlar o estado emocional não significa reprimir o que sente, mas sim direcionar os sentimentos de forma saudável e inteligente – isso é feito de forma gradual e com prática constante.

3. Revisite os seus valores

A partir do treino contínuo de autoconhecimento, você aprende a identificar seus valores e pontos fortes. Apegue-se a eles como suas características diferenciais. No entanto, enquanto aperfeiçoa suas virtudes, não se esqueça de observar as qualidades que ainda podem ser desenvolvidas.

4. Identifique pontos a serem desenvolvidos

Para desenvolver inteligência emocional, também é preciso ter humildade e reconhecer os pontos que podem ser melhorados. Novamente, o autoconhecimento será um guia nesse processo de autoanálise.

Observe quais características você pode desenvolver para se tornar uma pessoa emocionalmente saudável e trabalhe no fortalecimento desses pontos. Exemplos de habilidades que fazem parte da inteligência emocional são:

  • Empatia;
  • Resiliência;
  • Tolerância à frustração;
  • Assertividade;
  • Comunicação;
  • Flexibilidade.

5. Saiba receber feedbacks

Por fim, uma das principais qualidades de quem tem inteligência emocional é a capacidade de receber feedbacks e utilizá-los como fonte de crescimento. Veja essas interações como um incentivo e, principalmente, tenha maturidade para lidar com os retornos negativos.

Então, na hora de receber feedbacks, não leve tudo para o lado pessoal, pois muito do comportamento e da opinião das pessoas diz mais sobre elas mesmas do que sobre você.

Com essas dicas, agora você sabe como desenvolver inteligência emocional. Porém, na prática, esse aprendizado é um pouco mais complexo e requer treino constante. Então, relembre sempre: trabalhe o autoconhecimento, pratique o autocontrole, valorize seus pontos fortes, observe os traços que podem ser melhorados e tenha maturidade para receber feedbacks.

Além da inteligência emocional, outras habilidades destacam as pessoas bem-sucedidas. Quer saber quais são? Leia nosso próximo post e conheças as 10 principais características dos profissionais de sucesso!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
0Shares
0 0